Educação 4.0 + projetos + desafios + programação = aprendizado com significado

A era digital trouxe novos recursos e desafios para

a educação e a pandemia tem potencializado esse cenário. Nesse contexto o professor se tornou um verdadeiro mentor, orientando os alunos a aprender por meio da resolução

de problemas e situações reais.


E o Inventura que ajuda a preparar os alunos a compreender um mundo em constante evolução, utilizando a linguagem

de programação como ponto de partida, se tornou um

aliado essencial.


Quer descobrir como? Separamos três aulas para você baixar e ver na prática como o Inventura ajuda a sua escola a promover a Educação 4.0 com programação e significado.

Preencha e receba em seu e-mail três aulas* do Inventura gratuitamente

*Uma aula do Livro DESBRAVADOR e duas aulas do Livro EXPLORADOR

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

A Educação 4.0 não é apenas um termo da moda, ela proporciona o desenvolvimento de competências como o aprender a aprender, aplicar o conhecimento, explorar novos territórios e ser um agente inovador. Veja as principais competências que ela promove!

Comunicação e colaboração: trabalhar em projetos em equipe acaba incentivando o desenvolvimento dessas habilidades. Faz o aluno enxergar a importância do coletivo, além de
desenvolver competências socioemocionais.
Iniciativa e empreendedorismo:
alunos com atitude empreendedora
possuem grande capacidade de assumir riscos e responsabilidades, além de desenvolver a visão estratégica a longo prazo e tomar a iniciativa frente aos desafios.
Características que também são fundamentais no mercado de trabalho.

Domínio da tecnologia:

é importante que o aluno saiba o que fazer com as novas tecnologias, e não apenas como operá-las. Os novos profissionais devem mediar os novos meios e tomar decisões inteligentes sobre o uso das tecnologias atuais, sempre lembrando que
o futuro não é apenas tecnológico e sim
a união e harmonia entre soluções tecnológicas e o fator humano.

Pensamento crítico e analítico:

os alunos aprendem a analisar as situações antes de agir e a pensar em diversas formas
de resolver um problema, além de
criar hipóteses para cada ação.

Curiosidade e imaginação:

alunos investigativos, criativos e curiosos podem ir mais longe. Escolas devem incentivar e valorizar ações inovadoras
e focadas em criatividade.

© Positivo Tecnologia S.A. Todos os direitos reservados. Fotos meramente ilustrativas.